sexta-feira, 18 de maio de 2012

Chapter Four

Quando Demi acordou sorriu ao ver a rosa vermelha na cama ao seu lado, apesar da noite mal dormida, sabia que teria um bom dia ao lado de Joseph e isso fazia tudo valer a pena. Ela tentou ao máximo esconder a aparência de cansada, deixou os cabelos soltos, passou um pouco de maquiagem, vestiu um short jeans e uma blusinha amarela, calçou uma sandália confortável, pôs um sorriso no rosto e desceu as escadas indo direto pra cozinha. Não estava com muita fome, então comeu a primeira coisa que encontrou e depois foi à procura de Joseph. O encontrou sentado nos degraus da varanda olhando o céu. 

__Bom dia__ Demi se sentou ao lado dele__ acordou cedo hoje.


__Bom dia__ ele respondeu sem desviar os olhos do céu__ eu não acordo cedo, você é que dorme demais.


__É, é verdade__ ela fez careta e riu, esperou que ele risse junto, mas Joseph continuou sério, dava pra ver que estava preocupado com alguma coisa, ele geralmente disfarçava bem, mas aquela manhã estava difícil parecer alegre__ está tudo bem?
Ele finalmente baixou os olhos pra fitar o rosto dela, seus olhos castanhos estavam preocupados enquanto o observavam e ele pensou no que diria a ela se não conseguisse arrumar um jeito de resolver aquele problema, de desfazer a maldição. Ergueu a mão lentamente pra tocar o rosto dela, acariciando com a ponta dos dedos.



__Joseph, qual o problema?__ ela perguntou novamente inquieta com o olhar profundo dele. 

__Não é nada__ ele negou com um meio sorriso. 


__Você não me engana, eu sei que tem alguma coisa errada...


Ela estava pronta pra começar uma longa discussão pra tentar convencê-lo a dizer qual era o problema, mas Joseph interrompeu seu raciocínio quando sem aviso juntou seus lábios aos dela. Não sabia o que aconteceria dali pra frente, se teria muito tempo pra ficar com ela, e não queria perder tempo com discussões que não levariam a nada. Demi sentiu arrepios lhe percorrendo a espinha e um desejo forte e estranho tomando conta de todo seu ser, tanto que aprofundou mais o beijo, que acabou deixando de ser inocente como Joseph pretendia e foi ficando cada vez mais ousado até que ele tivesse forças e controle pra afastá-la. Ele a segurou gentilmente pelos pulsos, afastando as mãos dela de seus cabelos e partiu o beijo ofegante, ele tentava ser gentil com ela, educado, mas algumas vezes ela tornava a tarefa difícil, como agora.

Joseph não era de ferro, fazia séculos que não tocava uma mulher, que não tinha intimidade com ninguém, a ultima vez fora com Esmeralda mais de quatrocentos anos atrás. Não era necessariamente um problema até agora, quando se está preso em um diário essa era a ultima preocupação que se pode ter, mas agora que tinha uma namorada, ainda mais alguém como Demi ficava difícil não pensar, e pior ainda sabendo o que aconteceria se ele cedesse.
Demi abriu os olhos confusa, quando sentiu ele a afastando, Joseph continuava de olhos fechados, respirando fundo, parecia extremamente perturbado e aquela visão deixou Demi inquieta. Estava pronta pra perguntar de novo o que tinha de errado com ele quando o celular começou a tocar no bolso, ela estendeu a mão pra ver e era uma mensagem de Selena, ela estava lá fora e queria entrar na fazenda, e dessa vez vinha pra ficar.


__Hum... Selena está aqui__ ela sussurrou__ tenho que deixá-la entrar.


__Tudo bem__ ele concordou soltando a mão dela. 


Demi se levantou meio tonta e foi correndo até a entrada da fazenda pra permitir que Selena que entrasse, os outros estavam com ela também, Eric, Nick e Miley, ajudando com a bagagem. 



__Achei que fosse vir só no fim de semana.

__Estava ansiosa__ Selena sorriu e a abraçou__ vai ser tão legal morarmos juntas. 


__E vocês como estão?__ ela perguntou sorrindo para os outros amigos.


__Bem__ Miley e Nick responderam ao mesmo tempo, mas Eric permaneceu encarando o chão sem olhar pra ela.


__Eric, você ta bem?


__Estou__ ele concordou sem fitá-la.


__Acordou de mau humor hoje__ Miley deu de ombros__ ignore. 


Demi, Selena e Miley seguiram na frente até a mansão conversando animadamente, Nick veio mais atrás sabendo bem qual era o problema do irmão, mas não comentou nada. Encontraram Joseph ainda sentado na varanda, e ele fez o máximo que pode pra esconder o descontentamento com a presença de Eric ali, como se precisasse de mais algum problemas.


__Oi Joseph__ Nick sorriu percebendo o clima ruim e tentando amenizá-lo.


__Ok__ Demi interrompeu antes que ele respondesse__ o que está havendo? Sou só eu ou vocês homens estão esquisitos hoje? 


__Não sei do que está falando__ os três disseram ao mesmo tempo.


__O que ta pegando em?__ dessa vez foi Miley quem questionou.


__Eu não estou me sentindo muito bem, eu vou entrar__ Joseph disse e saiu de vista, tinha algo que ainda precisava resolver e ficar ali sentando olhando pra cara de Eric só o deixaria mais nervoso.



Antes que Demi pudesse perguntar de novo qual era o problema, ele entrou em casa e foi direto a cozinha onde Sarah e Olívia conversavam bobagens. O jeito mais fácil de conseguir alguma informação era primeiramente perguntando se alguma das duas sabiam, elas estavam sempre bem informadas sobre o mundo da magia e poderiam lhe poupar muito trabalho. Ele se sentou em uma das cadeiras como quem não quer nada.

__Oi querido, tudo bem?__ Sarah sorriu pra ele__ estou fazendo bolinhos, quer experimentar um?


__Eu não estou com fome__ ele se apressou em dizer__ quem sabe outra hora. 


__Tudo bem então, você que esta perdendo. 


__Escuta__ ele se mexeu na cadeira desconfortável__ vocês duas conhecem algum bruxo chamado Michael Gilbert?


__Porque a pergunta?__ Olívia o olhou desconfiada.


__Onde ouviu esse nome?__ Sarah perguntou séria.


__Não sei, não me lembro, eu só... Hum... Vocês sabem quem é Michael Gilbert?
As duas se entreolharam e parecia nervosas.


__O que tem meu pai?__ Joseph se virou confuso e viu Demi parada na porta os olhando.


__Como é?


__Vocês estavam falando do meu pai, Michael Gilbert... O que tem ele?



Por um momento Joseph não soube o que dizer, então o homem que supostamente poderia ajudá-los era o pai de Demi? Aquilo não estava certo, até onde ele sabia o pai de Demi estava morto havia muitos anos, a própria Demi lhe contara isso. 

__O que estavam falando do meu pai?__ Demi perguntou de novo.


__Seu pai?__ Nick questionou, de repente todos estavam na cozinha se entreolhando de forma estranha enquanto um silencio constrangedor tomava conta, ficava cada vez mais óbvio que todos eles ali tinham um segredinho a esconder e estava cada vez mais difícil de disfarçar.


__Eles estavam falando do meu pai__ Demi explicou__ Michael Gilbert, mas não querem me dizer o que.


Eric de repente teve um acesso de tosse como se tivesse se engasgado com alguma coisa e Joseph o olhou feio.


__O nome do seu pai é Michael Gilbert?__ seu tom era meio histérico.


__Era, ele morreu__ ela resmungou mal humorada__ por quê? O que está havendo?


__Puxa, ta calor aqui__ Nick resmungou desconfortável__ porque não vamos lá fora tomar um ar?


__Joseph, vai responder minha pergunta ou não?__ Demi o fitou irritada.



__Eu só ouvi esse nome em algum lugar__ ele disfarçou__ e perguntei as suas tias quem era. 

__Onde ouviu o nome do meu pai?__ ela continuava desconfiada.


__Não sei__ ele deu de ombros__ não me lembro. 


__Alguém quer bolinhos?__ Sarah perguntou forçando um sorriso.


__Eu vou arrumar as minhas coisas__ Selena disse__ vem comigo.


Ela puxou Miley e Demi pelo braço antes que pudessem protestar e as guiou até onde era seu quarto, que estava vago desde que ela se mudara. Joseph pretendia interrogar as tias de Demi e perguntar por que ficaram tão nervosas a menção do nome do pai de Demi, mas Nick e Eric o arrastaram pra fora da mansão e só pararam quando estavam perto do celeiro, bem longe dos ouvidos de todos. 


__É só uma coincidência né?__ Nick perguntou__ não pode ser a mesma pessoa que estamos procurando.


__Eu não sei, é estranho que a única pessoa que pode nos ajudar segundo o Oráculo tenha o mesmo nome do pai da Demi, é coincidência demais pro meu gosto, eu não acredito em coincidências.


__O pai da Demis morreu muito tempo atrás__ Eric lembrou__ como um homem morto pode nos ajudar?



__A essa altura você já deveria saber que o fato de ele estar morto não altera em nada__ Joseph resmungou__ trazê-lo de volta não seria muito difícil, não depois do que vi Robert fazer, mas algo nessa história não está me cheirando bem.

__Você disse que conheceu um Michael Gilbert__ Nick comentou__ pode ser ele.


__Não, foi há muito tempo, ele era da família original, já deve estar morto como todos os outros. 


__Pensei que a morte não alterava nada__ Eric resmungou debochadamente. 


__O que você está fazendo aqui mesmo?__ Joseph o fulminou com o olhar__ não está ajudando em nada, porque não vai procurar o que fazer? Correr atrás da namorada de outro por exemplo.


__Isso não é justo__ Eric estava ofendido__ eu não dei em cima da Demi ta legal? Eu respeito ela e você também, ela ta feliz com você e eu me mantive longe, eu to até namorando, não fiz nada pra que me tratasse desse jeito.


__Só está apaixonado pela minha namorada, mas eu devo ignorar isso é claro, porque você é um cara legal__ debochou.


__Parem vocês dois, que coisa ridícula__ Nick murmurou irritado.


__Pois é, tudo isso é ridículo__ Joseph perdeu a paciência__ a minha vida é extremamente ridícula. Eu passei quatrocentos anos trancado em um diário porque meu irmão queria me matar e roubar a minha namorada, toda minha família foi assassinada, eu perdi tudo que eu tinha e só o que me sobrou foi a Demi, então me desculpe se eu me irrito sabendo que tem outro cara querendo tirar ela de mim. Vocês tem a vidinha perfeita de vocês, mas faz séculos desde que tive um momento de paz de verdade, eu fiz de tudo pra salvar a droga do mundo e o que eu ganho com isso em? MAIS PROBLEMAS.

Ele parou de falar por um instante, respirando fundo, o coração acelerado, ele não era assim, ele não se deixava descontrolar dessa forma, mas ia ficando mais difícil manter a calma. Todos depositavam sua confiança nele, porque ele era um original, porque era poderoso, porque ele era o único que poderia fazer tudo, mas esqueciam que ele era só um homem. Podia até ter mais de quatrocentos anos, mas eram só números, ele não vivera de verdade, foi como se estivesse congelado no tempo. No fundo ele ainda era só um jovem de vinte e um anos e o fardo que carregava ia ficando cada vez mais pesado. 

__Ai é que está, eu não estou querendo tirar ela de você Joseph__ Eric sussurrou__ eu estou tentando esquecer. Você deveria saber que eu nunca faria algo assim, você é meu amigo. E não esperamos que você salve todo mundo e que resolva todos os problemas sozinho, é pra isso que existem os amigos, só queremos te ajudar. 


__Eu só não sei o que devo fazer__ ele suspirou e se escorou em uma árvore, fechando os olhos__ não sei o que devo fazer. 


__Talvez devesse contar a Demi o que está acontecendo__ Nick sugeriu.


__Como espera que eu diga uma coisa dessas a ela? 


__Eu acho que mentir não vai ajudar. 



__Contar a verdade também não vai melhorar nada, só deixá-la com medo__ ele abriu os olhos pra fitar os dois__ primeiro vou tentar encontrar esse tal Michael Gilbert, e depois independente do que aconteça eu conto a verdade a Demi.
Nick puxou o celular do bolso, vendo uma mensagem de Selena.


__Preciso ver o que a Selena quer, agente termina esse papo depois__ ele disse e foi em direção à mansão.


__Joseph...


__Esqueça__ ele interrompeu__ desculpe ter perdido a calma, você realmente nunca fez nada pra que eu te acusasse. Mas eu acho que pode entender o meu medo, ela... Ela é tudo que eu tenho e não quer perdê-la, já perdi coisas demais na vida, não aguento passar por isso de novo.


__Você não vai perdê-la Joseph__ Eric sorriu tristemente__ devia ver como ela te olha, como fica feliz ao seu lado, ela te ama, você é um cara de sorte. E sei que vai conseguir achar um jeito de resolver essa bagunça pra que possam ficar juntos e em paz.


__Obrigada, eu espero que esteja certo__ ele se recompôs__ se eu não conseguir encontrar Michael Gilbert, ou se ele não puder ajudar, ou se não tiver outra forma de resolver essa confusão, não importa as consequências, eu juro que tiro Robert daquele maldito diario e o mato, eu não queria ter de chegar a esse ponto, mas se for preciso eu farei. Ele não vai arruinar minha vida de novo, eu não vou deixar. 



Dentro da mansão, Selena e Miley arrumavam o guarda roupa de Selena enquanto conversavam animadamente, alheias aos problemas que ocorriam em volta. Já Demi estava parada na janela olhando lá pra baixo, onde Eric e Joseph agora conversavam sozinhos, ela queria poder ouvi o que eles estavam dizendo, descobrir o que Joseph estava lhe escondendo.
Não sabia há quantos minutos estava ali parada olhando pra ele, mas depois de certo tempo percebeu que ele estava parado no lugar exato onde o diário estava enterrado. Demi começou a se senti inquieta, a irritava estar sempre tão consciente e atenta aquele maldito lugar, a qualquer detalhe relacionado aquele diário e Robert. Em dado momento Joseph olhou pra cima, na direção onde ela estava e sorriu, um sorriso travesso que não era típico dele e enquanto Demi o observava ele simplesmente começou a mudar de forma. Os cabelos foram clareando e crescendo até que estivessem na altura nos ombros, os olhos ficaram azuis e a pele mais clara, ele pareceu ligeiramente mais baixo e mais magro e com pavor ela percebeu que agora olhava pra Robert e não pra Joseph.


__Venha me libertar Demi__ ele disse sorrindo__ estou esperando você. Vai acontecer mais cedo ou mais tarde.


Ela de um passo pra trás assustada e o sorriso dele se tornou mais intenso.


__Venha pra mim Demi... Demi... Demi...


O nome ficou ecoando em sua mente e quando ela estava prestes a gritar sentiu alguém lhe sacudindo. Assustada seus olhos entraram em foco e visualizaram Selena. 


__O que foi?__ perguntou confusa.


__Estou te chamando há dois minutos__ ela reclamou__ está dormindo em pé?


__Eu... 


Ela olhou novamente pra fora, Joseph e Eric ainda conversavam parados no mesmo lugar... Não havia sinal de Robert. Estava ficando pior a cada dia, ela estava ficando louca.







Continua...

5 comentários:

  1. Nossa!!! quase morri agora kkkk
    amei esse capítulo!
    você poderia fazer uma maratona, né? eu simplesmente adoraria!!!
    Posta rapidinho, tá?
    beijos, boa noite *-*

    ResponderExcluir
  2. Meu Deus, perfeito esse capitulo!!!
    AAAAA posta mais, uns 3 capitulos de uma vez HAHAHA

    ResponderExcluir
  3. q lindoooooooooooooooooooo amei.. posta logo pleaseeeeeeeeeeeee *-*

    ResponderExcluir
  4. Adoramos este blog e principalmente esta historia. Continua a postar!!! Bjos

    ResponderExcluir
  5. PERFEITO
    tadinha da Demi!!!
    POSTA LOGO
    BeiJemi

    ResponderExcluir