sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Capítulo 8 – Medo




Primeiro Dia – 16:12 da Tarde



Eu abri os olhos devagar, um pouco confusa... Percebi que ainda estava encolhida naquele sofá na casa de Vanessa. Joe estava sentado no chão do meu lado, a cabeça escorada no sofá, sua mão ainda estava entrelaçada na minha, uma tentativa de me passar segurança. 

Olhei em volta e vi que os outros também estavam ali... Miley e Liam estavam encolhidos no outro sofá, abraçados, também dormindo. Kevin estava sentado no chão, escorado na parede, com Dani entra suas pernas... Ele acariciava os cabelos dela e sorria. Nick estava sentado em uma cadeira com Selena em seu colo... Todos em silencio... Assustados demais pra dizer qualquer coisa que fosse. 


_Tudo bem Demi?_ olhei pra baixo e Joe estava me observando preocupado.

_Eu to legal_ forcei um sorriso pra ele, nenhum de nós estava bem... Não tinha como estar.


Nós nos fitamos em silencio... Eu podia ver nos olhos dele que estava tão assustado quanto eu. Mais sempre tentava parecer forte e seguro... Esse era o Joe, sempre escondendo aquilo que sentia, pensando primeiro nos outros e depois nele mesmo. 


_O que foi aquilo Joe?_ eu murmurei baixinho, sem querer perturbar a paz dos outros.

_Eu não sei_ ele confessou frustrado.

_Acha que pode ter sido algum tipo de brincadeira?_ ela perguntou.

O silencio dele foi à resposta... Não parecia ser brincadeira.

_Não imagino quem pode fazer uma brincadeira assim... Todos sumiram_ ele disse abaixando os olhos pra fitar o chão.

_Então acha que é serio?_ perguntei sentindo meu coração bater mais depressa_ acha mesmo que só temos dez dias?

_Eu não acho nada Demi_ ele respondeu nervoso_ eu não sei o que pensar. 

_Eu estou com tanto medo_ confessei em um sussurro. 

_Eu também estou com medo Demi_ ele murmurou_ eu não faço ideia do que esta acontecendo... Mais eu te prometo uma coisa. Eu não vou deixar que nada te machuque... Eu vou te proteger seja lá do que for... Esta entendendo?

_Sim_ eu respondi sentindo meu coração acelerado.

_Eu prometo a você_ ele repetiu_ nada vai te fazer mal enquanto eu estiver por perto. 


Eu não podia duvidar dele, aquelas palavras me acalmavam mesmo na situação terrível em que nos encontrávamos... Eu sabia que ele me protegeria com a própria vida se fosse necessário. E eu realmente esperava que não fosse. 

Eu fechei meus olhos, sentindo a respiração dele no meu rosto... Sua mão no meu cabelo... Eu estava tão cansada, e ele era meu porto seguro... Meu herói... Ele sempre fora. 


_Hei pessoal_ Nick chamou.

Joe me soltou e viramos o rosto pra encará-lo.

_Desculpe interromper mais... Devíamos ir_ ele disse_ já são quatro e quinze da tarde. 

_Isso tudo_ Joe disse sobressaltado.

_O hospital fica longe e vamos ter que ir a pé_ ele murmurou.

_Não podemos pegar um dos carros abandonados?_ eu questionei.

_Nenhum deles tem a chave... Não temos como roubá-los_ deu de ombros. 

_Que ótimo_ Joe suspirou. 

_É melhor partirmos logo, não devíamos ficar mais aqui_ ele comentou.


Era uma ótima ideia... Eu não queria ficar naquela casa. Era a casa da Vanessa, uma amiga irritante do Joe que eu simplesmente odiava, não conseguia me dar bem com ela... Na verdade ela que não se dava bem comigo e não perdia a oportunidade de me irritar. Ela sempre foi super apaixonada pelo Joe e ele nunca deu bola pra ela... A despeitada resolveu por a culpa de tudo em mim e eu me irritava profundamente com isso. 

Não sei por quê... Mais toda vez que via ela dando em cima do Joe eu me irritava, me subia um sentimento ruim e eu tinha vontade de arrancar os cabelos dela fora, talvez porque eu quisesse proteger o Joe, sabendo como ela era falsa... Na frente dele um amor, pelas costas uma víbora. Bom... Eu também não perdia a oportunidade de provocá-la, sempre que estava com Joe e ela não gostava... Coisas de garota. 


_Você ta bem Demi?_ Nick perguntou.

_Estou sim_ garanti a ele.

_Podemos esperar mais um pouco se precisar_ ele sorriu de lado. 

_Eu to bem, é sério_ sorri e me levantei_ vamos sair logo desse lugar. 


Antes de sairmos da casa, paramos pra poder comer alguma coisa... Eu estava morta de fome, nem tinha comido direito de manhã, com toda essa confusão. Só percebi o quanto estava faminta quando todos ficaram me olhando estranho, espantados pelo tanto que comi.

Eram 17:00 quando saímos da casa da Vanessa e começamos a caminhar pelas ruas escuras em direção ao hospital, ainda estava longe e demoraríamos um pouco a chegar, mais pelo menos tínhamos algo com o que ocupar a mente.


_Será que vamos mesmo encontrar alguém lá?_ Selena perguntou, ela estava andando ao meu lado de mãos dadas comigo.

_Espero que sim_ suspirei_ não quero mais ficar sozinha... Quer dizer, pensar que somos os únicos por aqui... É perturbador. 

_Posso te perguntar uma coisa?_ ela me olhou de lado.

_Claro_ concordei.

_Aquela garotinha que você viu... _ ela se interrompeu.

_Você não acha que estou louca né?_ perguntei a fitando seriamente. 

_Não_ ela me garantiu_ aquela escritura na parede não era brincadeira Demi... Tem algo muito estranho acontecendo.

_Acha que tem haver com esse eclipse?_ sugeri.

_Tudo começou depois do eclipse não é?_ ela deu de ombros_ espero que quando ele acabar... Que tudo volte ao normal.

_É mais... Quando vai acabar?_ Miley que estava atrás de nós ouvindo perguntou.

_Dez dias_ eu sussurrei. 

Elas entenderam o que eu quis dizer com aquilo... Era o que estava escrito na parede. Se fosse verdade nós tínhamos dez dias. 

E eu não gostava nenhum pouco disso... Dez dias na escuridão... Dez dias vendo coisas estranhas... Seria lucro se eu não surtasse até o fim de tudo. 


Joe Narrando


Estávamos andando pelas ruas... Eu ia na frente guiando a todos com o nosso mapa, e eles vinham atrás de mim... Conversando baixo, tentando manter a calma e pensar em outras coisas. Eu também tentava o mesmo, nada de ficar pensando naquilo que acontecera na biblioteca... Ia enlouquecer se não esquece. 


_Falta muito?_ Kevin resmungou.

_Falta_ respondi irritado, já era a milésima vez que ele me perguntava isso. 

_Não precisa ser grosso_ ele fechou a cara.


Eu revirei os olhos e continuei concentrado no caminho... Ainda estávamos em uma área com muitas casas, todas abertas e vazias. Algumas vezes entravamos em umas pra confirmar... Era sempre a mesma coisa.

Até que enquanto andávamos vi algo diferente... Havia um parquinho em frente a uma casa... Mais pra minha surpresa ele não estava vazio, havia uma garotinha ali, brincando no balanço... Rindo.

Eu parei de andar na hora, meus olhos se arregalando automaticamente quando me lembrei do que Demi dissera que viu na biblioteca. Os outros que vinham atrás distraídos, acabaram esbarrando em mim quando parei.


_Hei o que houve?_ Dani resmungou.

_Droga, você pisou no meu pé_ Liam reclamou. 

_Joe?_ Demi chamou. 


Eu fiquei quieto olhando pra frente... A menina tinha a pele clara, os cabelos negros eram longos e lisos, um pouco caídos sobre o rosto, escondendo suas feições... Ela usava um vestido vermelho vivo, como sangue... E um laço da mesma cor na cabeça. 

Era... Sinistro... Assustador. 

_Demi_ eu sussurrei_ aquela foi à garotinha que você viu na biblioteca?

_Que garotinha?_ ela estava do meu lado me olhando.

_Aquela_ apontei pro parquinho.

_Joe_ ela continuou a me encarar_ não tem ninguém naquele parquinho. 


Eu virei o rosto pra fitá-la com espanto... Como assim não havia ninguém no parquinho? A menina estava ali, se balançando, sorrindo pra mim... Eu não estava louco... Eu estava vendo.


_Ela esta ali_ eu insisti_ olhe.

_Hei Bro_ Kevin pos a mão no meu ombro_ não tem nada ali... O parquinho ta vazio.

Eu dei um passo pra trás automaticamente.

_Eu não estou louco_ virei o rosto pra encarar Demi_ ela esta ali... Vestido vermelho, cabelos escuros... Não é a meninas que você viu Demi?

_Vestido vermelho?_ a expressão dela estava vazia_ o rosto dela...

_Esta normal... Olhe, esta ali_ eu apontei.

_Cara, você ta me assustando_ Selena disse nervosa. 


Eu voltei a olhar pra menina... Ela parou o balanço, desceu e caminhou pra perto de mim... Eu contive o impulso de me afastar, sentindo os olhares de todos sobre mim... Como eles não viam isso? Meu coração disparou com o medo que eu sentia.

Ela parou a alguns passos de mim... Esticou as duas mãos, fazendo um sinal... Dez.


_Dez Dias_ ela sussurrou com sua voz angelical e seus olhos foram pro rosto de Demi que me encarava aflita_ ela será minha. 


E então ela sumiu, como um fantasma... Simplesmente desapareceu. 

_Joe?_ Nick estava me chamando, passando a mão na frente do meu rosto_ cara fala alguma coisa.

_Ainda vendo ela?_ Demi perguntou.

_Ela foi embora_ respondi ainda com os olhos fixos à frente.

_O que ela disse?_ Demi questionou_ ela disse alguma coisa?


Eu virei o rosto pra olhar pra Demi, ela não parecia me achar louco... Ela acreditava em mim, porque ela tinha visto também.

Mais eu não quis dizer a ela o que a menina me disse... Ela estava pretendendo levá-la, queria tirar Demi de mim.

Eu esperava sinceramente que estivesse louco... Era isso, a escuridão estava fazendo mal pra mim... Toda aquela situação estava me pondo maluco.


_Nada_ eu respondi_ ela não disse nada.

_Vamos embora daqui_ Miley quase gritou_ por favor.

_Esta ficando tarde_ Liam comentou_ já são quase sete horas... Não devíamos andar por ai a noite.

_Mais é noite Liam_ Demi o fuzilou com os olhos_ esta tudo escuro... Que diferença faz?

_Só estou dizendo que estamos cansados e falta um pouco pra chegarmos ao hospital... E Joe não parece bem. Porque não entramos numa dessas casas e passamos a noite? Continuamos amanhã.

_O que você acha Joe?_ eles me perguntaram.


Sim, dormir... Ficar quietos em uma casa, até o dia seguinte, parecia bom... De qualquer forma uma parte de mim esperava que amanhã estaria tudo de volta ao normal. E tudo isso não teria passado de um sonho ruim.



Continua...


PS: Please comentem !

6 comentários:

  1. Desculpa o atraso a comentar. Com o ano novo foi complicado vir para o pc. Desculpa mesmo. Adorei todos os capitulos.
    Posta logo!

    PS: Posso te adicionar no Facebook?

    Bjs :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro.e adiciono todo mundo é só avisar :D

      Excluir
    2. Já mandei pedido. É Diana Pinto :D

      Bjs :)

      Excluir
  2. Ta perfeita a historia, desculpa nao estar comentando esses dias, mas eu tava sem computador, como disse no meu blog.. Ameeei, amo historia com suspense, Posta Logo.
    Beeijos

    ResponderExcluir
  3. EU NÃO ACREDITO
    EU E MINHA MELHOR AMIGA ESCREVEMOS ESSA HISTORIA PRA UMA EXPOSIÇÃO DA ESCOLA ANO PASSADO, COMO VC CONSEGUIU A HISTORIA MENINA, EMFIM ESTOU VIBRANDO COM ISSO E APESAR DE JÁ TE LIDO A HISTORIA PLEASE POSTA LOGO.
    DIVULGA
    WWW.JEMIRIVAIS.BLOGSPOT.COM
    BEIJOS

    ResponderExcluir
  4. tag pra vc http://jemienelenapleasebemine.blogspot.com/2012/02/tag.html

    ResponderExcluir