sexta-feira, 2 de março de 2012

Capítulo 11 – É só Chamar e Eu Virei te Salvar




Terceiro Dia – 8:03 da Manhã


Acordamos bem cedo aquele dia, saímos do porão da casa e depois de comer alguma coisa que encontramos na geladeira, caminhamos uns dez minutos até o centro da cidade. Íamos pegar umas coisas pra levar com agente na nossa “jornada”.


_Vamos nos dividir em grupos_ eu disse_ cada grupo vai atrás de uma coisa.

_Tem certeza que é uma boa ideia nos separarmos?_ Selena perguntou.

_Se formos todos juntos vai demorar mais... Já se nos separarmos em grupos poderemos sair daqui mais rápido_ eu expliquei_ eu peguei esses dois celulares que encontrei na casa... Eu vou ficar com um, o outro grupo fica com outro, e o outro fica com o celular da Dani que ainda ta inteiro. Qualquer coisa... É só ligar, ou gritar... As lojas ficam todas no mesmo quarteirão, não vamos estar muito longe uns dos outros.

_Tudo bem, tem razão_ Miley concordou_ assim vai mais rápido. 

_Ótimo, então... Miley, Selena e Kevin vão atrás dos objetos úteis... Lanternas, e coisas pessoais tipo escovas, pentes, mochilas e essas coisas.

_Tudo bem_ concordaram.

_Liam, Nick e Dani vão atrás da comida... Tem muitas lanchonetes e supermercados por aqui_ eu disse_ peguem coisas que possamos carregar com agente e que não estraguem fácil.

_Pode deixar com agente_ eles disseram.

_Eu e a Demi vamos atrás das roupas... Nós sabemos o tamanho de vocês, então... _ dei de ombros.

_Nos encontramos nesse mesmo ponto em uma hora e meia_ Demi disse_ e então seguimos em frente. 


_Acho que pegamos tudo_ eu comentei olhando o monte de bolsas que tínhamos em mãos.

_Não, não... Ainda falta uma coisa importante_ Demi advertiu.

_O que?_ eu a olhei confuso, pensei que tínhamos pegado tudo. 

_Precisamos de roupas de baixo_ ela disse com uma cara de “óbvio”. 

_Não tinha pensando nisso_ fiz careta.

_Claro que não_ ela revirou os olhos_ vocês homens podem não se importar de passar dias com a mesma sunga, mais nós mulheres somos diferentes e higiênicas. 

_Eu não sou porco_ mostrei a língua pra ela que riu.

_Vem, eu conheço uma loja perfeita pra isso.


Ela segurou minha mão e começou a me arrastar pela rua em direção a loja que queria... Só pra constar...Enquanto ela carregava duas bolsas, eu tinha quase dez comigo. E estavam pesadas. 

A loja que entramos era especialmente pra vender esse tipo de roupa... Então havia, sungas, camisolas, lingeries e biquínis pra todo lado... Um paraíso pras mulheres... Demi pareceu toda contente enquanto olhava tudo, como se por um minuto tivesse esquecido dos nossos problemas. As luzes da loja estavam todas acesas, então se você não olhasse pra fora, até podia pensar que tudo estava normal... Mais era só impressão. 


_As meninas iam adorar isso aqui_ Demi disse enquanto analisava uma peça.

_Os meninos também_ eu brinquei e ela me mostrou a língua. 

Dei uma rápida volta pela loja e em menos de cinco minutos peguei o que precisava... Sungas pra mim e pros meninos. Só que parecia que pra Demi não era tão fácil... Mulheres, vai entender.

_Então, podemos ir?_ eu perguntei.

_Claro que não, eu ainda não terminei aqui e temos uns cinqüenta minutos antes de irmos nos encontrar com o pessoal_ ela avisou.

_Mais eu já peguei tudo que precisava, porque pra você é tão difícil?_ fiz careta de indignação.

_Você não entenderia_ ela riu_ tem um sofá ali perto dos provadores, pra esperar... Senta lá enquanto eu pego as coisas. 

_Não devia ter te deixado entrar aqui_ resmunguei. 


Ela riu da minha impaciência e fiquei feliz por ela parecer mais tranqüila... Se ficar ali escolhendo lingeries a deixava contente então eu esperaria o tempo que fosse preciso, afinal, precisávamos mesmo nos distrair. 

Me sentei no sofá confortável que ficava de frente por provador e larguei as bolsas de roupa no chão... Aquele lugar até que era agradável, só não gostei do meu reflexo no enorme espelho que havia ali em frente... Eu estava um caco. 

Depois de um minutinho, Demi apareceu trazendo algumas peças na mão.


_Já escolheu?_ perguntei cruzando os braços.

_Ainda não_ ela sorriu pra minha cara de insatisfação_ eu vou experimentar esses aqui.

_Experimentar?_ fiz careta.

_Não se compra uma lingerie sem antes experimentar Joe, você não entende nada de mulheres. 


Ela largou as bolsas no chão junto com as minhas e entrou no provador... Eu olhei em volta... Calcinhas, sutiãs, camisolas por todo lado, peças transparentes, mais ousadas... Deixava bem a imaginação voar. E eu não gostava de imaginar... Não era saudável pro meu coração. 


_Então o que acha?_ ouvi a voz dela e despertei de meus devaneios. 


Demi havia saído do provador e agora usava apenas uma lingerie preta de renda, com um lacinho rosa choque... Incrivelmente sexy. Todas as palavras ficaram entaladas na minha garganta junto com o ar... Por um momento eu me esqueci como se fazia pra respirar. Ela estava simplesmente linda... Deslumbrante... Sexy, provocante. E enquanto olhava pra ela, senti algo dentro de mim queimar, uma sensação que eu sempre tentava evitar. 


_Joe, eu perguntei o que você acha_ ela murmurou pondo a mão na cintura quando eu não disse nada.

_Você esta... _ eu não sabia ao certo qual palavra deveria usar_ linda. 

_Eu sei_ ela brincou se virando por espelho_ eu adorei esse... Realça os meus seios. 


E ela vinha dizer isso justo pra mim... Já fazia um bom tempo que eu não tinha uma relação, traduzindo... Já fazia alguns anos que eu não beijava e nem fazia... Algo a mais. Eu não conseguia ficar com nenhuma garota, não tendo Demi o tempo todo em meus pensamentos... Mais eu era homem, e eu sentia falta do contato físico com uma mulher. 

Demi não via maldade nisso... Ela nunca tivera vergonha de mim, e mesmo gostando dela, nunca levara nossos momentos juntos na maldade... Era tudo puro e inocente... Eu era só o melhor amigo dela, com quem ela se sentia suficientemente confiante e a vontade pra ficar de lingerie sem se preocupar. 

E não era a primeira vez que eu a via assim... Mais agora era diferente, ela não era mais uma menina e sim uma mulher. E uma mulher muito linda. 


_Joe você ta bem?_ ela perguntou olhando pra mim com ar de preocupação.

_Érr... Eu... To sim, eu... To bem_ gaguejei feito um pateta desviando os olhos pras minhas mãos. 

_Tem certeza?_ ela insistiu_ você ta meio... Pálido. 

_Só cansado_ dei de ombros_ não se preocupe.

_Ta bem, eu prometo que não vou demorar muito_ prometeu.

_Não tenha pressa_ sorri de lado tentando parecer natural.


Ela voltou pra dentro do provador e eu fechei os olhos um instante, respirando fundo... Tentando manter minha calma e meu controle. Eu tinha prática nisso, sempre tinha que me manter calmo estando com ela... Demi conseguia me tirar do controle muito fácil... Fácil até demais. 


_E esse o que acha?_ ela apareceu um pouco depois. 


Eu ainda demorei um pouco até criar coragem de olhar pra ela... E quando olhei, me arrependi. Ela estava ainda mais sexy que da primeira vez, se é que isso é possível... Usando uma lingerie também de renda, de uma vermelho bem vivo e chamativo. 

Era incrível como ela tinha um corpo tão perfeito... Cheia se curvas, nos lugares certos... A pele perfeita e sedosa, até o perfume era de enlouquecer. 

E o fogo dentro de mim ficou mais forte... Seria muito errado de minha parte agarrá-la agora mesmo? 


_Não sei se fico bem de vermelho_ ela comentou se olhando no espelho, virando de costas pra mim e me dando uma visão privilegiada. Uma que eu não precisava ter. 

_Ficou... Incrível_ eu disse sorrindo, logo depois de um longo suspiro. 

_Joe, tem certeza que você esta bem?_ ela voltou a perguntar, devia ter notado o desanimo na minha voz... Era difícil disfarçar, eu não lembrava nem do que fazer pra respirar. 


Eu estou bem... Só excitado. 

Eu sou mesmo desprezível... Me levantei, passando a mão pelos cabelos e olhei pra ela, tentando manter o foco no seu rosto. 


_Eu vou ali... Pegar uma água_ disse.

_Vai me deixar aqui sozinha?_ ela ficou de repente assustada.

_Não vou longe pequena_ garanti_ é aqui do outro lado da rua... Eu estou com sede.

Ela concordou, mais ainda parecia nervosa.

_Termine de experimentar suas lingeries que eu volto num minuto_ prometi_ qualquer coisa é só chamar e eu venho correndo te salvar.

_Você sempre vem_ ela sorriu mais relaxada. 


Então eu me virei e sai da loja... Era muita crueldade ficar ali vendo ela experimentar lingeries sexys e não poder nem encostar nela. Eu não era feito de ferro e também não era masoquista... O melhor foi deixar ela terminar isso sozinha. Eu voltaria quando estivesse mais calmo e controlado. 

Demi Narrando


Eu não queria ter ficado sozinha, mais o Joe parecia realmente precisar de um pouco de ar... Ele estava pálido. 

Convenci a mim mesma que nada de ruim aconteceria e entrei de novo no provador pra experimentar uma outra lingerie que havia pegado... Essa era branca com uns lacinhos rosas, muito fofa e romântica. 

Fiquei parada ali me olhando no espelho... Observando com calma a peça... Estava distraída quando senti uma mão tampar minha boca, e me virar bruscamente, batendo minhas costas contra o espelho do provador e um corpo imprensar o meu.

A principio pensei que era uma brincadeira de Joe, mais meus olhos entraram em foco e o rosto que vi foi outro... Eu tentei gritar, mais não conseguia, sua mão não me permitia.


_Você não tem noção do quanto esta sexy nessa lingerie princesa_ ele sussurrou sorrindo.

_Me solta_ eu resmunguei pela sua mão, tentando afastá-lo.

_Calma, eu não vou te machucar_ ele prometeu_ só quero conversar. 


Eu fiquei quieta, e ele afastou a mão da minha boca, me possibilitando respirar novamente... Ele desceu a mão até minha cintura, me acariciando e eu tive vontade de cuspir na cara dele... Como tinha coragem de aparecer ali assim depois do que me fizera?


_Eu estava morrendo de saudades_ ele sussurrou em meu ouvido, apertando seu corpo no meu e beijou meu pescoço.

_Me solta David_ eu tentei empurrá-lo_ eu tenho nojo de você. 

_Não fala assim_ sorriu_ sabe que eu te amo Demi... Eu fiz aquilo por você... Você disse que não queria transar comigo porque não estava pronta, e eu respeitei... Mais tem que entender que tenho minhas necessidades, eu sou homem. 

_Nem todo homem é cafajeste que nem você_ eu rebati_ me larga agora... Eu vou gritar. 

_Grita_ provocou_ eu fiquei todo esse tempo de olho em você... Esperando o momento que o pateta do Joe ia te largar sozinha. Mais grita... Vou adorar dar uns bons socos na cara dele... Não temos nada a perder não é? Somos os últimos da terra. 

_O Joe vai acabar com você seu desgraçado_ eu quase gritei_ me larga agora... Me deixa em paz... Eu quero distancia de você. 


Ele riu da minha cara e do meu esforço inútil de tentar me livrar dele, senti suas mãos passeando pela minha coxa e então uma delas acariciar minha intimidade por cima da lingerie... Eu me contorci e quando ia gritar ele me calou com um beijo. Foi um beijo agressivo e que meu deu repulsa... Ele estava me machucando, se espremendo contra mim com força, forçando minhas costas contra o espelho... Eu queria chorar, mais não ia dar esse gostinho a ele. 

Ao invés disso mordi seu lábio com força e quando ele se afastou de mim aproveitei pra gritar.


_JOE... SOCORRO_ eu gritei enquanto me debatia contra ele.

_Cala a boca vadia_ ele ordenou puxando meu cabelo.

_JOE... POR FAVOR... SOCORRO_ eu gritei novamente ignorando o aviso. 

_Demi?_ ouvi a voz de Joe ao longe chamando meu nome.

_Isso não acaba aqui_ David avisou_ eu vou voltar.


Ele me roubou um ultimo beijo e me soltou, eu cambaleei e cai sentada no chão enquanto via ele sumir na escuridão.

Eu estava sentada no chão, os olhos arregalados com o susto e o desespero quando Joe apareceu na porta do provador apressado.


_Demi, o que houve?_ ele perguntou preocupado.


Eu me levantei do chão num salto e me joguei nos braços dele, o abraçando apertado, sem nenhum equilíbrio... Ele me envolveu em seus braços e me manteve de pé... Então deixei que ele me confortasse enquanto tentava fazer meu coração desacelerar. 

_O que aconteceu pequena?_ ele perguntou no meu ouvido. 

_O David_ eu murmurei com a voz trêmula_ ele... Ele estava aqui.

_David?_ ele repetiu surpreso_ ele não sumiu com os outros?

_Não_ eu sacudi levemente a cabeça, escondendo meu rosto em seu peito.

_O que foi que ele te fez Demi?_ Joe perguntou agora zangado_ ele machucou você?

Eu respirei fundo uma vez antes de responder_ ele me agarrou a força... Me beijou e... Passou a mão em mim. 


Eu tive que me conter pra não chorar, havia prometido a mim mesma que nunca mais choraria por ele... Ele não merecia.


_Eu não acredito_ Joe disse enfurecido_ aquele desgraçado me paga, eu vou...

_Não Joe_ eu me apertei mais contra ele_ não faz nada por favor, só... Fica aqui comigo. 

_Tudo bem_ ele sussurrou_ eu não vou a lugar nenhum... Desculpa ter te deixado sozinha pequena. 

_Tudo bem, só não faça mais_ eu pedi baixinho. 


Fiquei ali abraçada a ele durante um tempo enquanto recuperava o fôlego e o equilíbrio... Ele nos balançava levemente de um lado pro outro num movimento quase imperceptível enquanto cantarolava bem baixinho em meu ouvido, tentando fazer eu me acalmar. Aos poucos eu fui relaxando, sentindo uma das mãos dele deslizando pelas minhas costas pra cima e pra baixo... A outra estava no meu cabelo, fazendo um carinho suave na minha nuca, me deixando arrepiada. 


_Ta tudo bem?_ ele perguntou depois de um longo silencio. 

_Eu estou bem_ respondi ainda de olhos fechados, a cabeça descansando em seu peito, sentindo seu perfume. 

Ele segurou delicadamente uma das minhas mãos_ você ta tremendo.

_Ele me assustou_ dei de ombros_ mais eu to bem agora, não se preocupe. 

_Vem comigo_ ele pediu. 


Ele segurou minha mão e me levou até o sofá que havia em frente ao provador, me fez sentar e se sentou atrás de mim. 

Eu me encolhi automaticamente quando senti suas mãos pousarem sobre meus ombros. 


_Calma_ ele pediu_ relaxa. 


Relaxar... Eu podia fazer isso.

Fechei meus olhos quando senti ele delicadamente arriar a alça do sutiã que eu vestia... Respirei fundo enquanto ele começava a massagear meus ombros, com suas mãos fortes e macias. 

Aos poucos eu fui relaxando, e a tremedeira que eu tinha antes realmente passou... E sem querer deixei escapar um gemido abafado quando suas mãos tocaram um ponto mais sensível. Ele tinha mesmo um dom. 


_Esta melhor?_ ele perguntou no meu ouvido, tirando as mãos de mim.

_Sim obrigado_ eu sussurrei um pouco fraca, ele me deixou completamente... Enfraquecida, arrepiada. 

_Vai se vestir pra podermos ir embora_ ele pediu_ já ta quase na hora. 


Eu me levantei sem muita vontade, e caminhei até o provador pra botar novamente minha roupa, porém, não consegui abrir a droga do fecho do sutiã. Era só o que faltava pro dia ser perfeito.

Sai de novo do provador e caminhei até onde Joe me esperava... Ele ergueu as sobrancelhas ao me ver.


_Não consigo abrir o fecho do sutiã_ expliquei_ pode me ajudar?

_Érr... Eu?_ ele me olhou e pareceu ficar tenso.

_É, você_ revirei os olhos_ por favor.


Me virei de costas pra ele e pus a mão na parte da frente do sutiã, o segurando pra que não caísse... Seria constrangedor. 

Joe pareceu exitar por um breve momento, mais depois ergueu as mãos e com um pouco de esforço conseguiu abrir o fecho. 

Eu me virei de novo de frente pra ele e seus olhos me fitavam de um jeito que me deixou com as pernas bambas.


_Obrigada_ forcei um sorriso.

_De nada_ ele sorriu de lado.

_Érr, eu volto num minuto_ afirmei.


Voltei correndo pra dentro do provador e vesti novamente minha roupa... Ainda fiquei mais um minuto lá dentro tentando me recuperar de todas as emoções que consegui em apenas uma hora. Só depois de ter certeza que estava cem por cento bem, é que me juntei a Joe e fomos nos encontrar com os outros. 



Continua...


PS: Desculpem a demora.

18 comentários:

  1. pq nao faz joe e demi ficarem juntos logo eu preciso necessito isso AGORA (tecnicamente depois :s) POSTA LOGO

    PS: Primeira a comentar ~lalalalala~

    ResponderExcluir
  2. Own amei nossa to amando por favor posta logoooooooo please ?!!!!

    ResponderExcluir
  3. Desculpa o atraso!
    Adorei os capitulos!

    Posta logo!

    Bjs :)

    ResponderExcluir
  4. aaaaaaaaaaahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh a Demi ta começando a gostar dele... e esse David vai morrer se tocar na Demi d novo RUM... perfeito posta logo e junta logo esse casal

    ResponderExcluir
  5. Tag pra você :)
    http://jemifan-stories.blogspot.com/2012/03/tag-da-jemi-gift-of-friend.html

    ResponderExcluir
  6. POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO

    ResponderExcluir
  7. POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,POSTA LOGO,

    ResponderExcluir
  8. Tag : http://jemi-thehouse.blogspot.com/2012/03/maais-tags.html

    ResponderExcluir